Caçapava Online Tv
Fale com o delegado
Carro

Esporte

Copa do Mundo – 1986

Públicado em: 02/04/2014 às 12:36:57  
Dezesseis anos após sediar a Copa do Mundo pela primeira vez, o México voltou a receber uma edição do torneio. A Copa de 1986 seria inicialmente disputada na Colômbia, mas problemas econômicos e uma grave crise interna fizeram com que os colombianos abrissem mão de receber os jogos.

Uma nova fórmula de disputa passou a ser adotada a partir deste mundial. Os 24 países foram divididos em seis grupos de quatro. De cada chave os 2 primeiros colocados se classificaram diretamente para as Oitavas de Final. Para completar as 16 seleções classificadas, os quatro terceiros colocados de melhor campanha conquistavam a vaga por índice técnico. Tal regulamento foi utilizado até 1994.

Campeão na primeira vez que o mundial foi disputado em solo mexicano, o Brasil entrou em campo pressionado pela derrota de quatro anos antes na Espanha. O técnico Telê Santana foi mantido no cargo, e alguns dos destaques de 1982, como Zico, Sócrates, Falcão e Júnior, tiveram a última oportunidade de conquistar um título mundial. Na primeira fase, o Brasil venceu suas três partidas (1x0 Espanha, 1x0 Argélia e 3x0 Irlanda do Norte), com destaque para os gols de Careca. Nas oitavas, goleada sobre a Polônia, 4x0. O Brasil parecia então destinado a conquistar o tetracampeonato. Porém nas quartas, o sonho foi interrompido pela França e pelas cobranças de pênalti. No tempo normal, empate, 1x1, com direito a pênalti perdido por Zico, e nas decisão por penalidades, derrota por 4x3. Sócrates e Júlio César perderam suas cobranças.

A Copa de 1986 foi marcada pelas surpesas. Foi neste mundial que os fãs de futebol conheceram a “Dinamáquina”. Sensação da primeira fase, a Dinamarca passou fácil pelos rivas, até cair no mata-mata diante da Espanha. Outra surpresa foi a Bélgica, que terminou o torneio na quarta colocação.

O título ficou com a Argentina. Comandado por Diego Maradona, melhor jogador daquela Copa, a equipe derrotou na decisão a Alemanha Ocidental pelo placar de 3x2, conquistando pela última vez um título mundial.


Curiosidades da Copa

. No jogo contra a Inglaterra pelas quartas-de-final, Maradona marcou dois gols históricos. Um driblando quase toda a defesa inglesa, gol que é considerado como o mais bonito da história das Copas, e outro utilizado a mão, jogada batizada por ele mesmo como “Mão de Deus”.

. Na decisão por pênaltis contra a França, a bola chutada pelo francês Bellone bateu na trave e nas costas do goleiro Carlos. O gol foi válido e decisivo para a derrota do Brasil.

. No dia do embarque para o México, o lateral Leandro desistiu de participar da Copa. Ele disse que a atitude era em solidariedade ao corte do atacante Renato Gaúcho.

. Na estreia do Brasil, contra a Espanha, o DJ do estádo tocou o Hino à bandeira do Brasil em vez do Hino Nacional Brasileiro.

. Outros dois treinadores brasileiros participaram da Copa, José Faria (treinador do Marrocos) e Evaristo de Macedo (treinador do Iraque).

. A expulsão mais rápida das Copas foi a do uruguaio José Batista no jogo contra a Escócia. Ele recebeu o cartão vermelho aos 55 segundos do primeiro tempo após cometer falta violenta em Gordon Strachan.

. Pela segunda vez consecutiva (1982-1986), a Seleção Brasileira conquistou o Troféu Fair Play (Jogo Limpo) oferecido pela FIFA à equipe mais disciplinada da competição.

. Foi a primeira vez que uma Copa do Mundo virava tema nos videogames. O jogo oficial era o Mexico 86, lançado em 1987 para fliperamas.

Comentários

Nome:

Email ( não publicado ):

Comentáio: